Laporta explica que Messi "não está contente" por deixar o Barcelona

Laporta explica que Messi "não está contente" por deixar o Barcelona
Redação

Joan Laporta, presidente do Barcelona, diz ter feito tudo o que era possível para que Messi ficasse nos blaugrana. A vontade do argentino também era essa e, por essa razão, sai descontente.

Em conferência de imprensa convocada para explicar a saída de Lionel Messi, esta sexta-feira, Joan Laporta referiu que o argentino "não está contente" por sair do clube, mas diz que não se sente "culpado", porque fez todos os possíveis para manter o jogador no plantel.

"O Leo queria ficar e não está contente. Todos queríamos que ficasse e agora ele enfrenta, tal como nós, a realidade. Desejo-lhe o melhor, a ele e à sua família. O Barça é a sua casa, ele engrandeceu o nosso palmarés como ninguém", atirou.

"Não me sinto culpado. Mantenho o que disse repetidamente. Primeiro, que faríamos o impossível para que Messi continuasse dentro das possibilidades financeiras do clube. A prova é que chegamos a um acordo com Messi, que não foi possível devido à questão salarial. Não tivemos seis meses, mas menos, porque a auditoria saiu recentemente. Havia um orçamento que parecia uma coisa e é outra muito pior", acrescentou o dirigente.