Jogador do Bayern alvo de prisão por não cumprir ordem judicial

Jogador do Bayern alvo de prisão por não cumprir ordem judicial
Redação

Apresentação em tribunal terá que ocorrer em 19 de outubro para ser requerido o ingresso voluntário num centro penitenciário à escolha (atualizada)

Lucas Hernández, defesa internacional francês do Bayern Munique (Bundesliga), recebeu uma ordem de prisão decretada por um tribunal de Madrid, segundo avança o jornal espanhol 'AS', esta quarta-feira, por ter desacatado uma ordem judicial em 2017.

O jogador, já notificado, foi condenado a seis meses de prisão efetiva, na sequência de pedido do Ministério Público, por não cumprir uma ordem judicial que o obrigava a trabalho comunitário e a afastar-se da mulher Amelia Lorente, devido a um incidente público de agressões.

A 3 de fevereiro de 2017, Lucas Hernández, então jogador do Atlético de Madrid, e a esposa foram vistos a envolverem-se numa cena pública de violência na capital espanhola. Como consequência, um tribunal de Madrid condenou-os a realizarem 31 dias de trabalho comunitário e não terem contacto durante seis meses.

A ordem judicial não foi atendida pelo casal, tendo este viajado em lua-de-mel. A 13 de junho de 2017, Lucas e a mulher aterraram em Madrid, provenientes de Miami, sendo o futebolista detido e libertado dias depois. Já Amelia Lorente foi só identificada dado que não foi notificada sobre a ordem de afastamento.

O caso arrastou-se até agora e o jogador nunca cumpriu os 31 dias de trabalho comunitário que lhe foram impostos. Hernández terá que apresentar-se em tribunal a 19 de outubro para ser requerido, no prazo de dez dias, o ingresso voluntario, durante seis meses, num centro penitenciário à escolha.

O jornal 'AS' refere que a defesa do jogador apresentou recurso e que será provável que seja aceite. Nesse caso, o jogador do Bayern não será efetivamente preso ou sairá ao fim de poucos dias.