Uso de imagens de Anne Frank leva Lazio a audição disciplinar

Uso de imagens de Anne Frank leva Lazio a audição disciplinar

A Federação Italiana de Futebol fala em "intento antissemita claro" por parte dos adeptos da equipa romana

A Lazio foi hoje chamada pela Federação Italiana de Futebol para um audição disciplinar. Em causa está a utilização de imagens de Anne Frank por parte dos adeptos laziale no mês passado.

A 22 de outubro, na vitória por 3-0 sobre o Cagliari, os adeptos do Lazio, onde alinham os portugueses Nani, Pedro Neto e Bruno Jordão, encheram o estádio com imagens de Anne Frank com a camisola da Roma, a grande rival da Lazio.

Anne Frank, jovem alemã de origem judaica, faleceu às mãos dos nazis, num campo de concentração, na II Guerra Mundial. O gesto dos adeptos da Lazio recebeu inúmeras críticas e levou a que, em todos os jogos da semana seguinte, fossem lidos excertos do diário da jovem e fosse respeitado um minuto de silêncio, em honra às vítimas do Holocausto.

Em comunicado, a federação transalpina fala em "intento discriminatório claro", que constitui "comportamento discriminatório".