Tite coloca Neymar num pódio com Ronaldo e Messi, mas com Hazard à espreita

Tite coloca Neymar num pódio com Ronaldo e Messi, mas com Hazard à espreita

Selecionador do Brasil lamentou a lesão que afastou o seu craque da Copa América e anunciou a titularidade de David Neres, Richarlison e Gabriel Jesus no ataque do escrete frente às Honduras

Em conferência de antevisão ao particular frente às Honduras, que se diputa este domingo em Porto Alegre, Tite negou que a lesão de Neymar tenha sido um alívio face às acusações de violação de que este é alvo e optou por lamentar a ausência de um jogador do "top-3 mundial" na Copa América. "Não estou nada aliviado. O sentimento que tenho é o de preocupação pelo lado humano do Neymar, de saber se ele está bem e com saúde. A isso soma-se a lástima de perder um jogador que está no top 3 do mundo com Cristiano Ronaldo e Messi. Vejo Neymar no nível do Hazard, porque eles pensam na mesma velocidade, mas o Neymar executa com mais facilidade", afirmou o selecionador do Brasil.

O técnico também abordou a polémica relacionada com a presença do pai do jogador do PSG no balneário do escrete. "Dei um abraço no pai do Neymar e disse que ele deveria estar ao lado do filho. É o papel dele, ainda mais com tantos problemas que ele vinha tendo. Eu felicitei-o, pois é uma relação humana de pai e filho, de apoio. Se fosse o Matheus [filho e auxiliar do técnico], eu também descia ao balneário a correr", sublinhou.

Por fim, Tite anunciou que o ataque do Brasil no particular frente às Honduras será formado por David Neres, Richarlison e Gabriel Jesus, pois Firmino apresentou-se mais tarde devido à participação na final da Liga dos Campeões pelo Liverpool.