Nápoles escorrega e entrega o primeiro lugar à Juventus

Nápoles escorrega e entrega o primeiro lugar à Juventus

A Juventus conta agora com 71 pontos e menos um jogo, enquanto o Nápoles tem 70.

O Nápoles não conseguiu este domingo melhor que um empate sem golos em Milão, contra o Inter, um resultado que deixa a Juventus como líder do campeonato italiano, após 28 jornadas da prova.

A luta entre os napolitanos e a Juve, que mais cedo vencera a Udinese, continua no entanto ao rubro: a Juventus tem 71 pontos (e menos um jogo) e o Nápoles 70.

Paulo Dybala bisou na partida, marcando os dois golos sem resposta da Juventus, aos 20 e 49 minutos, com outro argentino, Gonzalo Higuain, a desperdiçar uma grande penalidade, aos 38.

Destaque na ronda, também, para um jogador português, o goleador André Silva, que, aos 94, marcou em Génovoa o golo solitário da vitória do AC Milan. Os milaneses sobem ao sexto posto, ultrapassando a Sampdória, goleada por 4-1 no terreno do Crotone.

A Lázio segurou o quarto lugar, ao empatar 2-2 no terreno do Cagliari, mas ficou a três pontos da Roma, terceira no campeonato, que bateu o Torino na sexta-feira, por 3-0. Com o português Nani em campo a partir do minuto 76, a Lázio viu o Cagliari adiantar-se no marcador, aos 25 minutos, por Pavoletti, mas o defesa Luca Ceppitelli marcou na própria baliza, aos 35, e estabeleceu o empate.

Na segunda parte, Barella devolveu a vantagem ao Cagliari, aos 74 minutos, e a vitória parecia segura até ao momento em que, em cima do apito final, aos 95 minutos, Ciro Immobile conseguiu empatar a partida e resgatar um ponto para os romanos.

Sorte diferente teve a Atalanta no terreno do Bolonha, vencendo por 1-0 e segurando a oitava posição, à frente da Fiorentina, que, com o português Gil Dias em campo, recebeu e bateu o Bienevento por 1-0.

Noutra partida, o Sassuolo recebeu e empatou (1-1) com o SPAL.