"Não posso estacionar o autocarro. Não tenho defesas"

"Não posso estacionar o autocarro. Não tenho defesas"

Daniel Farke, treinador do Norwich, está a contas uma onda de lesões, em vésperas de defrontar o Manchester City

Defrontar o Manchester City é um enorme desafio para qualquer equipa, mas para o Norwich, que este sábado recebe o campeão inglês, a situação é ainda mais difícil.

Os canários estão a contas com uma onda de lesões, em especial no setor defensivo: Max Aarons, Christoph Zimmerman, Timm Klose e Grant Hanley são baixas confirmadas. Como Ben Godfrey também está em dúvida, Jamal Lewis, Sam Bryam e Philip Heise são os únicos defesas que garantidamente podem defrontar o City.

"Mesmo que quisesse, não posso estacionar o autocarro, não tenho defesas", atirou o treinador Daniel Farke, que ainda tem na enfermaria os médios Tom Trybull, Moritz Leitner e Mario Vrancic.

"Tínhamos mais jogadores na enfermaria do que no campo de treino, hoje. É uma situação complicada para nós. Vamos defrontar uma das melhores equipas do mundo", comentou o treinador do Norwich, que admite ter guarda-redes no banco só para completar o número de suplentes permitidos.