Herrera explica saída do FC Porto e deixa elogios a João Félix

Herrera explica saída do FC Porto e deixa elogios a João Félix

Médio mexicano concedeu uma entrevista ao jornal espanhol "As".

Herrera concedeu uma entrevista ao jornal espanhol "As", tendo explicado os motivos que o levaram a deixar o FC Porto, em final de contrato, para assinar pelo Atlético. "Era importante o interesse, convenceram-me que eu poderia ser importante para o clube. Queria jogar num grande, num histórico como o Atlético. Foi o clube que mais gostei e que, falando futebolisticamente, me fez deixar o FC Porto", assinalou.

"Sou de objetivos. Sabia que não ia ser fácil ir para o Atlético. No FC Porto tinha tudo. A família super adaptada, era capitão... Queria crescer, vir para este campeonato. A vida deve ser feita de sonhos", continuou Herrera, que renunciou à presença na Gold Cup. "Acreditei que o melhor para mim, para a minha família e para a minha carreira seria preparar-me bem para a nova época. Não ir à seleção e poder descansar, treinar e chegar da melhor forma aqui foi uma aposta que fiz, porque quero estar bem na pré-época", justificou.

Por fim, uma palavra sobre João Félix. "Gosto muito da forma como ele joga. É super inteligente, muito espero. E tão jovem... Os seus movimentos são sempre no sentido de receber algo, nas nossas costas, nas costas dos médios. Isso era o que mais gostava nele. Não é o típico avançado, que tenta sempre ganhar vantagem na sua forma de jogar. E tem veia goleadora. É um enorme jogador. Antes não lhe desejava sorte, mas agora sim", atirou.