Gordon Strachan abandona o comando técnico da Escócia

Gordon Strachan abandona o comando técnico da Escócia

A Federação Escocesa de Futebol acordou a saída do treinador, falhada a entrada no play-off de acesso Campeonato do Mundo

Na última jornada da fase de qualificação para o Mundial, a Escócia estava a uma vitória de garantir um lugar no play-off, mas empatou (2-2) com a Eslovénia. Em resultado disso, Gordon Strachan já não é o selecionador.

O anúncio foi feito pela federação daquele país, depois de ambas as partes terem chegado a acordo.

"Ainda que se compreenda a desilusão do país por a equipa não se ter qualificado para o play-off do Mundial'2018, foi através das capacidades de Gordon - e da crença da equipa no comando técnico - que recuperámos de uma pobre primeira parte da qualificação para regressar à luta por um lugar no play-off", ressalvou a Federação Escocesa de Futebol, que decidiu dar um novo rumo à seleção.

"Não obstante a nossa série invencível no grupo em 2017, com a emergência de uma jovem geração de jogadores, foi acordado que um novo treinador deveria ser recrutado, de forma a providenciar um ímpeto renovado", justificou o organismo.