Dérbi de Manchester: incidentes vão ser investigados

Dérbi de Manchester: incidentes vão ser investigados

Uma testemunha falou em agressões junto aos balneários.

A Federação Inglesa de Futebol (FA) está a reunir informação em relação a um incidente que terá envolvido jogadores e equipas técnicas após o dérbi de Manchester, entre United e City (1-2).

O organismo já procurou informação junto dos dois clubes em relação ao sucedido após o final de jogo de domingo, em Old Trafford, e solicitou a entrega do material vídeo recolhido pelas câmaras de segurança junto aos balneários.

Uma testemunha disse que 15 pessoas - imprensa britânica falou em 20 - se envolveram em agressões junto à porta do balneário da equipa visitante, o Manchester City, líder da Liga inglesa de futebol, e que Mikel Arteta, técnico adjunto dos citizens, sofreu um corte na testa.

Com a derrota no jogo, a equipa do United, orientada pelo treinador português José Mourinho, manteve o segundo lugar, mas agora a 11 pontos do líder Manchester City.