Foi internacional e agora trabalha numa pizaria: "Roubaram o meu dinheiro"

Foi internacional e agora trabalha numa pizaria: "Roubaram o meu dinheiro"

Antigo avançado uruguaio jogou em Espanha, Itália e Inglaterra.

Dos relvados, onde foi internacional uruguaio, a empregado numa pizaria. Assim foi o percurso de Darío Silva, antigo avançado que passou por Cagliari, Espanhol, Málaga, Sevilha e Portsmouth. Darío culpa os agentes. "Lidavam com o dinheiro, fizeram o que queriam e depois roubaram-no", explicou.

Hoje com 46 anos, Darío Silva sofreu um acidente de viação que originou uma perna amputada. "Cometi um erro e aconteceu-me isto. Dói-me, mas pelo menos não aconteceu mais nada", comentou ao programa espanhol "Jugones".

A carreira, que teve uma participação no Mundial de 2002, na Coreia do Sul e Japão, foi terminada no Portsmouth, em 2005/06. E aí surge uma conversa com o pai. "Deixei o futebol porque o meu pai disse-me na cara: 'Não sei se vou durar mais dois ou três meses vivo'", contou, tendo então regressado ao Uruguai, onde sofreu o acidente.