Andrea Mandorlini sai do Verona

Clube italiano anunciou a saída do técnico de 55 anos que comandava a equipa desde 2010. O Verona é último classificado com seis pontos em 14 jornadas.

O Verona, último classificado da série A italiana, anunciou esta segunda-feira o despedimento do treinador Andrea Mandorlini, bem como toda a sua equipa técnica.

Após 14 jornadas, o clube de Verona é o último da tabela, com seis pontos, oito abaixo da linha de despromoção.

A derrota por 3-2 com o Frosinone - que está em 17.º e é o clube que está imediatamente acima da linha de descida - foi o último desaire do Verona, que apressou o fim da era Mandorlini, que durava desde 2010.

Mandorlini, de 55 anos, era um treinador carismático para o Verona, que promoveu sucessivamente desde a terceira divisão até à Série A.

Segundo a imprensa italiana, Mandorlini poderá ser substituído por Eugenio Corini, treinador com 45 anos que esteve no Torino em 2007/08 e 2008/09, no Palermo, entre 2003 e 2007, e orientou o Chievo, rival do Verona, entre 1998 e 2002.