"Haaland não pode, não quer e não vai mudar de clube"

"Haaland não pode, não quer e não vai mudar de clube"
Redação

Diretor desportivo do Borussia Dortmund reagiu às declarações de Mino Raiola, agente do avançado norueguês.

Depois de Mino Raiola, agente de Erling Haaland, ter assegurado que "há um máximo de 10 clubes que podem comprar" o avançado norueguês, Michael Zorc, diretor desportivo do Borussia Dortmund, reage agora às declarações.

"Haaland não pode, não quer e não vai mudar de clube", começou por dizer ao "Kicker". No entanto, Zorc respeita as palavras do empresário, considerando não terem causado qualquer mal-estar.

"Não me incomoda nada. Também não acho que [as declarações] tenham causado polémica. Foram declarações completamente normais. Não há mal-estar nenhum", continuou.

"Estamos felizes por ter Erling [Haaland] aqui, que tenha marcado mais nos últimos jogos e que tenha provado o seu valor para nós. Ainda tem contrato com o Borussia Dortmund até 2024. Só posso dizer que continuamos a contar com ele. Também acho que [Haaland] não se sente mal aqui em Dortmund, pelo contrário", acrescentou o diretor desportivo do emblema alemão, para depois concluir:

"Partimos do princípio que no final conseguiremos o nosso objetivo de nos apurarmos para a Liga dos Campeões. Não tenho nenhuma dúvida quanto a isso e, acontecesse o que acontecesse, Erling continuaria connosco."

Haaland, 20 anos, cumpre a segunda temporada em Dortmund. Na atual, leva 27 golos em 25 jogos realizados.