Guarda-redes expulso nos penáltis e jogador vira herói na baliza: Orlando faz história

Guarda-redes expulso nos penáltis e jogador vira herói na baliza: Orlando faz história
Redação

Orlando City apurou-se pela primeira vez para as meias-finais da conferência Leste da MLS.

O Orlando City, de Nani, fez história este sábado ao apurar-se pela primeira vez para as meias-finais da conferência Leste da MLS, mas apenas após um louco e dramático desempate nas grandes penalidades (6-5), frente ao New York City FC.

Após o empate 1-1 no tempo regulamentar, tendo Nani marcado o golo do Orlando, ninguém diria o que viria nos penáltis. O guarda-redes foi expulso por indicação do VAR após defender um penálti - recebeu o segundo cartão amarelo - e, não tendo mais substituições, foi o jogador de campo, Rodrigo Schlegel, a ocupar o lugar.

E foi mesmo Schlegel a tornar-se o herói da partida, ao defender uma grande penalidade e permitir a Benji Michel marcar o penálti da vitória.

Curioso ainda o facto de Nani ter falhado da marca dos 11 metros, depois de ter marcado o golo do Orlando no tempo regulamentar.

Veja o penálti defendido por Schlegel: