Federação italiana cede quartel-general das seleções às autoridades de saúde

Federação italiana cede quartel-general das seleções às autoridades de saúde
Redação com Lusa

A Federação dispõe o seu centro mesmo para casos "de vigilância sanitária" ou para pessoas que "aguardem por uma hospitalização".

A Federação italiana de futebol (FIGC) anunciou esta quinta-feira que o seu centro de treino em Coverciano, perto de Florença, será posto ao serviço das autoridades de saúde, para receber doentes infetados com o novo coronavírus.

Em comunicado, a FIGC revela que os diversos edifícios que compõem o centro de treinos, bem como os quartos de todo o complexo, que habitualmente recebem as seleções nacionais, estão disponíveis para as autoridades.

A Federação dispõe o seu centro mesmo para casos "de vigilância sanitária" ou para pessoas que "aguardem por uma hospitalização".

"A FIGC abre o centro de Coverciano aos italianos em dificuldade. Hoje não jogamos futebol, para começarmos de novo temos de vencer o jogo mais importante, contra o novo coronavírus", disse o presidente da Federação, Gabriele Gravina.