De pretendente à SAD do Benfica a promotor de uma liga no Brasil

De pretendente à SAD do Benfica a promotor de uma liga no Brasil
Redação

John Textor, atual proprietário do Botafogo, quer uma liga profissional a organizar o Brasileirão

John Textor, acionista maioritário do Botafogo, que há um ano foi pretendente a posição idêntica no Benfica, resolveu liderar o processo de constituição de uma liga no Brasil, onde o principal campeonato é organizado pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF).

Em comunicado, o Botafogo "informa que o acionista John Textor se irá reunir, esta semana com lideranças do futebol brasileiro, de todos os grupos, para debater sobre a constituição de uma Liga". Ou seja, o empresário norte-americano está interessado em implementar no Brasil um modelo em tudo idêntico ao português e do resto da Europa, onde são as associações de clubes e sociedades desportivas, por delegação de competências das federações, a organizar os campeonatos profissionais.

"Textor pretende compartilhar suas visões, aprofundar a avaliação das propostas e buscar entendimento que melhor colabore para o futuro do futebol no país", refere ainda a nota do emblema do Rio de Janeiro.