Casa do Barcelona pode chamar-se Camp Nou Spotify: os valores em discussão

Casa do Barcelona pode chamar-se Camp Nou Spotify: os valores em discussão
Redação

Imprensa espanhola revela este sábado que o Barcelona e a Spotify, empresa de streaming de música, estão em negociações com vista à compra dos diretos sobre a propriedade do nome de Camp Nou, num negócio que, a concretizar-se, vai render entre 60 e 65 milhões de euros por ano aos catalães.

A Radio Catalunya, citada pelo jornal alemão Bild, alertou esta sexta-feira para a possibilidade de Camp Nou vir a ter Spotify como terceiro nome a partir do próximo verão. Segundo a fonte, o Barcelona está em negociações com a empresa de streaming, a mais utilizada do mundo, que pretende adquirir os diretos sobre a propriedade do estádio blaugrana e tornar-se patrocinador oficial do clube.

Segundo os valores reportados, o negócio entre Barça e Spotify, a ser confirmado, vai render entre 60 e 65 milhões de euros por ano aos culés. As conversas iniciaram-se em outubro do ano passado, com o principal ponto de discórdia a ser a duração do acordo entre ambas as partes, isto porque os catalães querem um acordo válido por 15 anos, enquanto a plataforma prefere um acordo de curta duração.

Para além da vertente financeira, bastante apelativa para a conjuntura atual do Barcelona, a fonte garante que outra motivação do emblema para selar o negócio é a expectativa de atrair mais de 600 milhões de novos usuários para as plataformas sociais dos culés.