Carlos Eduardo ao nível de Messi

Jogador do Nice emprestado pelo FC Porto foi avaliado com nota 10 pelo L'Équipe, o que nunca tinha acontecido na história do jornal em jogos da Liga francesa

Carlos Eduardo cometeu a proeza de marcar cinco golos na vitória expressiva do Nice (7-2) em casa do Guingamp e foi naturalmente destacado pela imprensa francesa. O L'Équipe deu mesmo nota 10 ao médio brasileiro emprestado pelo FC Porto, o que até agora nunca tinha acontecido nas avaliações do diário francês em jogos do campeonato.

Carlos Eduardo fica assim ao nível de por exemplo Lionel Messi, a quem já foi dada por duas vezes a nota 10. A primeira a 6 de abril de 2010, quando para os quartos-de-final da Liga dos Campeões, marcou quatro golos ao Arsenal (4-1) e a segunda, a 7 de março de 2012, nos oitavos-de-final da Champions, quando assinou cinco golos diante do Bayer Leverkusen (7-1).

Os outros jogadores na história das avaliações do L'Équipe que mereceram nota 10 foram os seguintes:

Franck Sauzée, final do Europeu de sub-21, França-Grécia (3-0, 12 de outubro de 1988);

Bruno Martini, final do Europeu de sub-21, França-Grécia (3-0, 12 de outubro de 1988);

Oleg Salenko, fase de grupos do Campeonato do Mundo, Rússia-Camarões (6-1, 28 de junho de 1994);

Lars Windfield, 1/16 avos de final da Taça UEFA, Nantes-Aarhus (0-1), 30 de setembro de 1997;

Robert Lewandowski, meias-finais da Loga dos Campeões, Borússia de Dortmund-Real Madrid (4-1), 24 de abril de 2013.