Balotelli ameaçou deixar o jogo ao ser alvo de insultos racistas

Balotelli ameaçou deixar o jogo ao ser alvo de insultos racistas

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.

O avançado do Brescia dirigiu-se para os balneários, mas foi convencido a voltar e ainda marcou um golo.

Mario Balotelli, avançado do Brescia, foi alvo de cânticos racistas na partida deste domingo em casa do Hellas Verona, de Miguel Veloso.

O italiano ameaçou mesmo deixar o jogo. Primeiro, agarrou na bola e chutou-a para uma das bancadas onde estavam os adeptos que estavam a insultá-lo. Depois, dirigiu-se aos balneários e ponderou não voltar. No entanto, os companheiros de equipa convenceram-no a voltar e Balotelli ainda foi a tempo de marcar o golo do Brescia na derrota por 2-1.

A partida esteve interrompida durante quatro minutos, mas acabou por se jogar até ao fim.

Para o Hellas Verona, que teve Miguel Veloso até aos 54 minutos, marcaram Eddie Salcedo e Matteo Pessina.

Veja o golo: