Assassinado treinador dos New York Red Bulls

Assassinado treinador dos New York Red Bulls

Jovem treinador britânico que trabalhava nos New York Red Bulls foi encontrado morto em Manhattan, onde terá sido esfaqueado na sequência de uma discussão.

Um jovem britânico de 25 anos anos, Michael Jones, treinador de futebol que trabalhava nos New York Red Bulls, foi encontrado morto, depois de esfaqueado no pescoço e no tronco, na manhã do último domingo em Mannathan (Nova Iorque). Testemunhas afirmaram à polícia novaiorquina que Jones havia estado a discutir com um homem.

Há cinco anos que Michael Jones, natural de Lancashire, viajara para os Estados Unidos com o objetivo de ser treinador de futebol. Em comunicado colocado na sua página web, os New York Red Bulls prestaram-lhe homenagem:

"Estamos consternados com esta tragédia e da parte do clube enviamos a s nossas sinceras condolências à família de Michael, amigos e conhecidos. Ele era uma excelente pessoa, um fantástico treinador que amava o futebol e um grande amigos de todos nós".