PSG ameaça colocar sete jogadores "indesejados" na quinta divisão

Mauro Icardi

 foto AFP

Nomes não contam para Christophe Galtier e terão de encontrar um novo clube antes do fecho do mercado.

O PSG ainda tem vários nomes nas suas fileiras que não contam para o treinador Christophe Galtier e que receberam, por isso, indicação de que terão de encontrar um novo clube.

Com o fecho do mercado de verão a aproximar-se, o jornal L'Équipe avança esta sexta-feira que o campeão francês ameaçou colocar sete jogadores "indesejados" na filial do clube, que compete na quinta divisão francesa.

Esses sete nomes incluem Ander Herrera, Layvin Kurzawa, Julian Draxler, Rafinha, Thilo Kehrer, Idrissa Gueye e Mauro Icardi.

Há ainda dois jovens - Édouard Michut e Éric Junior Dina-Ebimbe - que escaparam à ameaça do clube mas também foram informados que não entram nos planos do técnico francês.

Com a ameaça, Luís Campos, conselheiro para o futebol do emblema parisiense, pretende agilizar as saídas de alguns destes jogadores, que têm estado a treinar à parte do restante plantel principal.

Todavia, o mais provável é que, mesmo que alguns destes nomes não encontrem um novo destino até ao final do mês, sejam depois reintegrados na equipa principal do PSG.