Paquetá levou amarelo após finta e Neymar aponta o dedo: "O joga bonito está a acabar"

Lucas Paquetá (à esquerda) celebra golo marcado ao serviço do Lyon

 foto AFP

Nas redes sociais, Neymar disse que a decisão da arbitragem foi "muito triste".

O Lyon venceu o Troyes (3-1) na noite de quarta-feira em jogo da Ligue 1. Um lance isolado, entretanto, foi alvo de críticas de Neymar, avançado do PSG. Depois de tentar fintar o adversário com um "cabrito", o médio brasileiro Lucas Paquetá foi punido com um cartão amarelo por conduta antidesportiva.

No entanto, a questão está a ser bastante discutida em França. O jogador brasileiro ignorou vários pedidos da árbitra para tentar serenar os ânimos entre ele e o adversário. Poderá ter sido esse o motivo.

Já Neymar saiu em defesa de Paquetá pelo lance nos últimos minutos do jogo. "Muito triste este episódio. Levar um amarelo por causa de uma finta... O 'cabrito' é um recurso, independentemente de onde seja ou em que minuto seja", escreveu o craque do PSG nas suas redes sociais.

"No ano passado aconteceu comigo, este ano com o Lucas Paquetá. Sinceramente não entendo o motivo! O famoso 'joga bonito' está a acabar. Desfrutem enquanto é tempo ou lutem para que volte", acrescentou, a recordar o episódio em que foi punido pela mesma razão diante do Montpellier no ano passado.

Autor do terceiro golo da vitória da equipa, Paquetá evitou polémicas e apenas comemorou a boa fase que vive na equipa francesa.

"Eu esperava fazer o meu melhor quando cheguei. E ouvir o público assim faz-me muito bem. Nunca passei por isto, nem no Flamengo. A minha família e eu estamos muito felizes. Quero agradecer aos adeptos pelo amor. E, acima de tudo, quero devolver em campo", disse ao jornal L' Équipe.