Lampard lembra como foi despedido do Chelsea... e deixou o Instagram de lado

Frank Lampard está livre após deixar o Chelsea

 foto EPA

Treinador inglês lembra o dia em que foi despedido do clube londrino.

Frank Lampard foi ídolo com a camisola do Chelsea, mas a aventura no comando técnico do clube londrino não teve o mesmo fulgor. O antigo médio foi despedido em janeiro de 2021 e, numa conversa com Gary Neville, num canal de Youtube, deu mais pormenores sobre o adeus a Stamford Bridge.

"Vínhamos de uma vitória com o Luton para a Taça de Inglaterra. Na manhã seguinte recebi uma mensagem de Bruce Buck, o chefe, dizendo: 'Podes vir ao treino e reunir-te connosco na sala?'", contou.

E não estava difícil de adivinhar o que vinha a seguir. "Essa primeira mensagem... Levantas-te e pensar: vou dar uma vista de olhos ao Instagram. É uma brincadeira, mas uma vez que o clube toma a decisão, não há uma boa maneira de o fazer, sinceramente. Soube imediatamente", reconheceu, dando mais contornos da reunião.

"Quando me reuni com Bruce e Marina (Granovskaia) foi tudo muito cordial. Sabia para o que ia. Nunca tinha estado numa posição assim, é um pouco surreal aquele instante, mas quando aceitas o trabalho, sabes que essa chamada pode chegar. No Chelsea acontece, a não ser que ganhes títulos, e isso não iria acontecer", vincou, de forma sincera.

Lampard acabou rendido pelo alemão Thomas Tuchel, que levou a equipa à conquista do título europeu na última época, numa final ganha ao Manchester City, no Dragão.