Jogadores do Milan terão consolado árbitro "quase em lágrimas" após erro decisivo

.

 foto EPA

Árbitro pediu desculpas aos jogadores do Milan e terá sido confortado por um grupo, com Zlatan Ibrahimovic à cabeça.

Um erro do árbitro "tirou" na segunda-feira a vitória ao Milan diante da Spezia. Marco Serra apitou uma falta sobre Rebic, já nos minutos de compensação, mas na sequência do lance Messias colocou a bola no fundo das redes. Seria o 2-1 para o emblema "rossoneri", que acabaria por perder.

O juiz imediatamente pediu desculpa e mostrou-se inconsolável. Também a Associação Italiana de Árbitros se desculpou perante o Milan e estará a considerar uma suspensão de vários jogos para o árbitro.

Rebic, que se aproximou para protestar, quase que acabou por abraçá-lo ao ver a reação e, no balneário, ter-se-ão visto cenas semelhantes, de acordo com o "Corriere della Será". O árbitro estaria em choque e, "quase em lágrimas", terá pedido desculpa aos jogadores do Milan. Um grupo deles, com Zlatan Ibrahimovic à cabeça, terá mesmo avançado para o consolar.

O treinador do Milan, em declarações à Imprensa após a partida, confirmou:

"O árbitro pediu desculpa. Lamentamos pela pessoa, ele percebeu imediatamente o seu erro e há pouco que possamos fazer. Tenho pena, mas perdemos os três pontos..."