"Há comboios que só passam uma vez e o Real Madrid está acima de qualquer jogador"

.

 foto AFP

Mbappé optou por continuar no PSG, rejeitando a proposta do Real Madrid. Carvajal diz que deve ser difícil para o francês sair da zona de conforto.

A renovação de contrato de Kylian Mbappé continua a ser um dos temas mais discutidos no panorama do futebol mundial e chegou a vez de Dani Carvajal, lateral-direito do Real Madrid, comentar a rejeição do internacional francês aos merengues. O espanhol acredita que o avançado tenha dificuldade em deixar a zona de conforto, mas avisa que "há comboios que só passam uma vez".

"O miúdo tem estado sujeito a uma pressão muito forte de Paris, do PSG, dos adeptos... agora, sendo sincero, quando o Real Madrid te quer é muito difícil dizer que não. Há comboios que só passam uma vez. É preciso estar na cabeça dele. É francês e de Paris. Está a jogar no PSG, é o melhor jogador para o seu país e deve ser muito difícil sair dessa zona de conforto. Mas insisto, há comboios que só passam uma vez e o Real Madrid está acima de qualquer jogador", afirmou Carvajal numa entrevista ao jornal espanhol ABC.

No sábado, às 20h00, o Real Madrid defronta o Liverpool na final da Liga dos Campeões.