Barcelona suspeita que treinador esteja por trás da dificuldade em renovar com Dembélé

Ousmane Dembélé, jogador do Barcelona

 foto AFP

De acordo com o Mundo Deportivo, Thomas Tuchel, treinador do Chelsea, vê a aquisição do jogador com bons olhos.

Ousmane Dembélé é atualmente o centro das atenções em termos de renovação contratual no Barcelona. O internacional francês chegou ao Barça no verão de 2017 em troca de 105 milhões de euros. Tem contrato até ao final da época. E não é segredo para ninguém que o clube catalão quer mantê-lo em Camp Nou por mais tempo.

Apesar dos esforços de Xavi Hernández, outras propostas parecem atrair mais o jogador. Há algumas semanas, o Mundo Deportivo apontou uma oferta mais vantajosa do Newcastle. E esta quarta-feira, o mesmo jornal espanhol afirma que Thomas Tuchel, treinador do Chelsea, pode estar a seduzir o jogador.

Tuchel foi o técnico de Dembélé no Borussia Dortmund (2016/17), quando o francês atingiu a sua máxima expressão com dez golos e 21 assistências em 49 jogos.

Ainda faltam três semanas para Dembélé poder negociar livremente com qualquer clube - a partir de 1 de janeiro. Com o contrato a encerrar a 30 de junho de 2022, o destino do jogador de 24 anos é incerto. Dentro do Barcelona, garante o Mundo Deportivo, suspeita-se agora que o Chelsea de Tuchel está a fazer pressão para que o francês reforce o atual campeão europeu.