A promessa feita a Tuchel: 230 milhões e sete nomes em cima da mesa

Thomas Tuchel, treinador do Chelsea

 foto AFP

Chelsea, com novo proprietário, promete atacar o mercado em força.

A viver momentos mais tranquilos depois de Todd Boehly ter adquirido o clube, é com expectativa que se aguardam as investidas do Chelsea no mercado de transferências. Segundo escreve o jornal "The Telegraph", o empresário norte-americano prometeu a Thomas Tuchel pelo menos seis reforços de inegável qualidade.

Alguns nomes são avançados como possibilidades: De Ligt (Juventus), Koundé (Sevilha), Clauss (Lens), Sterling (Manchester City), Gabriel Jesús (Manchester City), Dembélé (Barcelona) e Richarlison (Everton) estão a ser equacionados para 2022/23.

De acordo com a publicação, o clube londrino terá mais de 230 milhões de euros para atacar o mercado, valor que pode aumentar em caso de vendas.