Patrick de Paula apanhado em festa ilegal e com corte de 40% no salário

Patrick de Paula apanhado em festa ilegal e com corte de 40% no salário

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.

Redação

Patrick de Paula não esquecerá tão cedo a decisão de marcar presença na tal festa. O médio chegou a ser hostilizado por adeptos do clube

Horas depois de ser pública a presença de Patrick de Paula numa festa ilegal - na madrugada desta segunda-feira, no Tatuapé, na zona leste de São Paulo -, o Palmeiras anunciou que o jogador será sujeito a um corte de 40 por cento no salário. Nas redes sociais, o clube brasileiro lamenta a postura do médio, considerando"inadmissível" a quebra do protocolo sanitário contra a covid-19. No mesmo comunicado, o Palmeiras recorda que o comportamento de jogador aconteceu dias depois do Brasil ter ultrapassado a marca de 500 mil mortos pela doença.

O jogador também está afastado dos treinos da equipa de Abel Ferreira.

Patrick de Paula não esquecerá tão cedo a decisão de marcar presença na tal festa. O médio chegou a ser hostilizado por adeptos do clube à saída da festa clandestina, tanto que teve de conseguiu entrar no carro para ir embora, sendo obrigado a reentrar na festa, protegido por uma segurança.