Sarri sobre Jovane: "É muito aplicado nos treinos e está sempre atento"

Sarri sobre Jovane: "É muito aplicado nos treinos e está sempre atento"
Redação

Declarações do treinador da Lázio na antevisão ao jogo com o FC Porto.

O treinador dos italianos da Lazio, Maurizio Sarri, considerou esta quarta-feira que o FC Porto é um adversário "difícil, mas não impossível" de ultrapassar, na segunda mão do play-off da Liga Europa.

"Não tenho uma visão assim tão completa do campeonato português, mas sei que o FC Porto é uma equipa forte e que está muito bem no campeonato. A primeira mão [derrota por 2-1 no Estádio do Dragão] disse-nos que é um jogo difícil, mas não impossível", afirmou, em conferência de imprensa.

Sarri defendeu que a sua equipa lhe deu "boas sensações", ao enfrentar "pela primeira vez muitas dificuldades sem desanimar nem se conformar", referindo-se ao encontro da primeira mão, no Porto.

"Estamos a ficar, cada vez mais, uma equipa e todos pensamos o futebol da mesma forma", disse, adiantando que o avançado internacional italiano Ciro Immobile, que falhou a visita aos dragões, vai treinar ainda quarta e quinta-feira de manhã, podendo vir a ser utilizado.

Para o técnico transalpino, "estes são jogos em que é preciso lucidez e o dobro da atenção na fase defensiva".

"Não podemos partir ao ataque e descuidar a fase defensiva. Temos a qualidade para desbloquear a situação quando quisermos", defendeu, admitindo ainda que a lesão do avançado internacional espanhol Pedro Rodriguez é "menos grave do que se suspeitava".

Sarri referiu-se também ao avançado Jovane Cabral, recentemente emprestado pelo Sporting aos "biancocelesti", lamentando que a chegada do cabo-verdiano tenha ocorrido já com a época em andamento.

"Chegou numa altura em que estamos envolvidos no treino para preparar os jogos seguintes e não no estudo dos sistemas de jogo. Ele é muito aplicado nos treinos e está sempre atento ao que se faz. Vamos ver se ele pode nos ajudar", concluiu.

O FC Porto visita na quinta-feira, pelas 17:45, o sexto classificado da Serie A, a 13 do líder, AC Milan, com uma vantagem de 2-1 no play-off para os oitavos de final da Liga Europa, com arbitragem do alemão Deniz Aytekin.