Surto de lesões na baliza do Feyenoord: no Dragão joga o "número três"

Surto de lesões na baliza do Feyenoord: no Dragão joga o "número três"
Rodrigo Cortez

Tópicos

Holandeses têm três guarda-redes lesionados.

O Feyenoord foi assolado por um surto de lesões entre os guarda-redes do plantel e, por isso, vai apresentar-se no Dragão com o "número três" da posição a defender as redes.

O seu nome é Nick Marsman e, apesar de ter 29 anos, só fez ainda três jogos no clube de Roterdão.

Contratado no último defeso ao Utrecht, a custo zero, o guardião foi quase sempre suplente nos jogos da liga holandesa, mas na Liga Europa nem isso, acabando preterido por Vermeer e Bijlow, a dupla que, por exemplo, esteve no jogo frente ao FC Porto disputado na Holanda.

Só que estes dois sofreram entretanto lesões, pelo que o clube ficou entregue a Marsman e a Élber Évora, um holandês descendente de cabo-verdianos.

Para cúmulo, no entanto, também este último se magoou nos últimos dias, viajando os holandeses até ao Porto com Marsman, o jovem Joey Koorevaar e ainda Biljow, apesar de este não estar ainda a cem por cento.

Apesar de só ter feito três partidas, Marsman tem deixado boas impressões, nomeadamente no encontro do passado domingo, em casa do Vitesse, em que defendeu uma grande penalidade a Tim Matavz, segurando assim o 0-0 que se manteve até final.