Treinador da Juventus "aceita" golo de Herrera

Treinador da Juventus "aceita" golo de Herrera

Sarri sai de Madrid com um sabor amargo, pois considera que os italianos tiveram a vitória na mão

Maurizio Sarri, treinador da Juventus, lamentou a forma como a Juventus deixou fugir dois pontos com o empate ante o Atlético de Madrid. "Sofremos durante 20 minutos e tínhamos o jogo na mão e por isso fica um sabor amargo. Mas a Juventus não marcava aqui há muito tempo e até estivemos perto de fazer o terceiro golo", afirmou o treinador da Juve.

Sarri não gostou da forma como os italianos consentiram os golos, ambos de bola parada. "Fomos brandos em situações previsíveis. Há que ter maior agressividade e atenção. Sofrer um golo de canto até pode acontecer, mas no primeiro golo, a bola vinha muita lenta. Já o segundo golo [de Herrera] aceito, porque eles são bons rematadores. Há que melhorar alguns aspetos", referiu.