"Estivemos mais perto de eliminar o Real Madrid do que o Chelsea e o Manchester City"

"Estivemos mais perto de eliminar o Real Madrid do que o Chelsea e o Manchester City"
Redação

Mauricio Pochettino defendeu a imagem que o PSG deixou diante dos merengues na prova milionária

Apontado à porta de saída do Paris, após uma época em que o PSG apenas venceu a Ligue 1 e foi eliminado nos oitavos de final, pelo Real Madrid, na Liga dos Campeões, Mauricio Pochettino defendeu o trabalho que a equipa realizou na prova milionária.

"Estivemos mais perto de eliminar o Real Madrid do que o Chelsea e o Manchester City. Infelizmente, tivemos maus momentos que tornaram impossível que continuássemos na competição", referiu, em conferência de imprensa.

Também a eliminação precoce na Taça de França - oitavos de final, diante do Nice, nas grandes penalidades - foi alvo de análise por parte do argentino, que apontou o dedo às baixas que a equipa sofreu nesse período.

Quando ao futuro de Kylian Mbappé, Pochettino não adiantou qualquer decisão, confessando que também não espera novidades no próximo domingo, data que assinala a cerimónia de prémios da época da Ligue 1.

"Espero que ele [Mbappé] não diga nada porque o resto de nós estará no Catar [numa viagem comercial]. Espero que seja uma comunicação positiva", admitiu.