A última vaga e o jogo louco na Grécia com um português mal na fotografia

A última vaga e o jogo louco na Grécia com um português mal na fotografia

Os destaques dos derradeiros encontros da fase de grupos da Liga dos Campeões.

O Atlético de Madrid, vencedor frente ao Lokomotiv Moscovo por 2-0, com um dos golos apontados por João Félix, foi a última equipa a apurar-se para os oitavos de final da Liga dos Campeões de futebol.

Este ano, as principais decisões não ficaram para o último momento e, quando se iniciaram os últimos seis jogos, já eram conhecidas 15 das 16 equipas qualificadas, todas dos cinco principais campeonatos.

Com a passagem dos colchoneros, ficam em prova quatro equipas de Inglaterra (Manchester City, Tottenham, Chelsea e o campeão Liverpool), quatro de Espanha (Real Madrid, Atlético de Madrid, Barcelona e Valência), três de Itália (Juventus, Atalanta e Nápoles), três da Alemanha (RB Leipzig, Bayern e Borussia Dortmund) e duas de França (Paris Saint-Germain e Lyon).

João Félix abriu o caminho à vitória do seu clube, com o penálti cobrado no Wanda Metropolitano de Madrid, aos 17 minutos, mas não foi o único luso a marcar - também Cristiano Ronaldo esteve ativo, com o primeiro da Juventus na vitória (2-0) em Leverkusen, e também para o grupo D, em que os alemães ainda sonhavam com um desaire do Atlético.

Nas contas do grupo, Juventus e Atlético de Madrid são claros primeiro e segundo, o Leverkusen desce 'um escalão' nas competições europeias e o Lokomotiv, de Eder e João Mário, fica por aqui.

Ainda a nível de portugueses, o Tottenham de José Mourinho saiu vergado em Munique por 3-1, um resultado que não impede a passagem dos spurs como segundos no grupo B e confirma o Bayern como o ataque mais concretizador da prova (24 golos), mesmo sem Lewandowski.

Tomané, do Estrela Vermelha, falhou uma grande penalidade no Pireu, permitindo ao Olympiacos, treinado por Pedro Martins e com José Sá, Ruben Semedo e Daniel Podence, chegar ao precioso triunfo por 1-0, a três minutos do fim, golo de El-Araby, de penálti. Este resultado permitiu ao Olympiacos saltar 'in extremis' para a Liga Europa, deixando os sérvios fora de qualquer competição.

A goleada do dia aconteceu no grupo A, com o Paris Saint-Germain implacável no Parque dos Príncipes ante o Galatasaray, a quem 'aplicou' 5-0, com golos para todos os gostos.

À mesma hora, o Real Madrid passeava em Brugge, saindo vitorioso da deslocação por 3-1. Os belgas jogaram claramente sem grande 'stress', já que o descalabro turco em Paris os confirmava como terceiros no grupo, com o 'prémio de consolação' da Liga Europa.

O sorteio dos oitavos de final da Champions realiza-se na segunda-feira, em Nyon, na Suíça, ainda com limitações - não se podem encontrar equipas vindas do mesmo grupo nem equipas do mesmo país.