Mais de 300 de adeptos do Lille detidos antes do jogo com o Ajax

Mais de 300 de adeptos do Lille detidos antes do jogo com o Ajax

A notícia da detenção foi divulgada no Twitter pela polícia de Amesterdão

Mais de 300 adeptos do Lille foram hoje detidos em Amesterdão, por atos de violência e perturbação da ordem pública, à margem do jogo entre o clube francês e o Ajax, para a Liga dos Campeões de futebol.

A notícia fora avançada pela polícia local, no Twitter, indicando de início cerca de 100 adeptos, mas depois os números subiram, para 303, essencialmente junto à estação de metro de Strandvliet, mas também noutros pontos da cidade.

Mais de três mil adeptos do Lille fizeram uma pequena viagem (300 quilómetros) para assistir ao jogo da primeira jornada da 'Champions', marcado para as 20:00, mas uma grande parte desse grupo acabou mesmo por não chegar ao estádio.

Segundo a polícia, foram detidos "por perturbação da ordem pública, tiros com armas de fogo e violência".

"Estamos ao corrente disso, mas ainda não temos muita informação. Estamos em contacto com a polícia e o Ajax. Claro que o clube condena qualquer desvio de comportamento e toda a forma de violência e vai constituir-se parte para aceder ao processo", disse Gérard Lopez, presidente do Lille, à Agência France Presse (AFP).

"Aparentemente, centenas de pessoas dirigiam-se pacificamente para o centro da cidade, quando uma vintena de adeptos lançou fumígenos para o metro e perturbou a circulação. A polícia deteve-os, bem como todos os adeptos do Lille que estavam naquela zona", acrescentou.

Segundo a agência holandesa ANP, um adepto ficou ferido e segundo a televisão local AT5 havia adeptos a andar na via do metropolitano.

As estações de metro Strandvliet e Duivendrecht foram evacuadas e a circulação chegou a estar suspensa.