Bayern mostra estatuto e sai de Roma com a eliminatória no bolso

Bayern mostra estatuto e sai de Roma com a eliminatória no bolso

Campeão europeu e mundial goleou a Lázio por 4-1 na primeira mão dos oitavos de final da Champions.

O Bayern Munique atropelou (4-1) esta terça-feira a Lázio, em Roma, na primeira mão dos oitavos de finalda Liga dos Campeões de futebol.

Os campeões europeus e mundiais, vindos de uma derrota (2-1) em Frankfurt, frente ao Eintracht, de André Silva, na última jornada da Bundesliga, puxaram dos galões e arrasaram a Lázio em 45 minutos, com três golos aos 9, 24 e 42 minutos, por Robert Lewandovski, o jovem inglês Jamal Musiala, de 17 anos, e Leroy Sane, respetivamente.

Quando os italianos deram por si estavam no intervalo com a eliminatória perdida, quando era absolutamente vital ter uma entrada forte no jogo e máxima concentração perante o detentor do título, mas não mostraram capacidade para travar uma máquina de jogar futebol que, às vezes, "emperra", mas quando está "oleada" é difícil de parar.

Na segunda parte, a Lázio ainda tentou, num arremedo de orgulho ferido, amenizar o peso da derrota, mas dois minutos após o reatamento, o central Francesco Acerbi fez um autogolo que acentuou a desmoralização da Lázio, que reduziu para 4-1 dois minutos depois, pelo argentino Joaquín Correa, resultado que não sofreu alteração até final e que reduz a cinzas as hipóteses da equipa italiana de seguir em frente na competição.