Casa de Thomas Muller assaltada enquanto defrontava o Barcelona

Casa de Thomas Muller assaltada enquanto defrontava o Barcelona
Alexandre Dionísio

O avançado alemão que celebrou 33 anos ontem, viu o dia terminar da pior forma, apesar da vitória sobre o Barcelona (2-0).

Thomas Muller, avançado do Bayern, celebrou 33 anos nesta terça-feira, um dia que ficou marcado pela vitória da sua equipa na receção ao Barcelona (2-0), na segunda jornada do Grupo C da Liga dos Campeões, e por... um assalto à sua casa.

De acordo com o jornal Bild, o assalto aconteceu por volta das 22h00, horas que coincidiram com o final da partida com os catalães. A polícia bávara já revelou que os ladrões levaram dinheiro, joias e bens materiais cujo valor situa-se à volta dos 500 mil euros.

No final da partida, Muller foi informado do assalto e dirigiu-se imediatamente para casa.

Leia o comunicado das autoridades na íntegra:

"Na noite passada, por volta das 22h00, a polícia foi notificada de um roubo ocorrido numa casa de uma única família no munícipio de Otterfing, por via de um centro de alarmes, pelo que vários patrulhas dirigiram-se para a propriedade, com vista a verificá-la. Minutos depois da primeira patrulha da estação policial de Holzkirchen ter chegado ao edíficio residencial, pelo menos dois infratores não-identificados fugiram pelo jardim até um campo adjacente, escapando na escuridão.

Como resultado, outros serviços de emergência, tal como agentes com cães de serviço e um helicóptero policial, foram alertados para uma busca intensiva dos ladrões que escaparam. No entanto, os esforços nas buscas ainda não conseguiram ser bem-sucedidos.

Durante a busca que está a decorrer, as investigações iniciais da cena de crime foram levadas a cabo pelo serviço criminal da Inspetoria da Polícia Criminal de Rosenheim, estando a ser continuada pela Esquadra Criminal da Polícia de Miesbach, que é a responsável. Os indíviduos roubaram dinheiro, joias e bens materiais na casa dos seis dígitos".