Wijnaldum: "Qualquer jogador gostaria de ser treinado por Mourinho"

Wijnaldum: "Qualquer jogador gostaria de ser treinado por Mourinho"
Alexandre Dionísio

O médio neerlandês foi emprestado pelo PSG à Roma, numa cedência que inclui opção de compra.

Gini Wijnaldum foi esta terça-feira apresentado como reforço da Roma, treinada por José Mourinho. Em declarações aos meios do clube, o médio neerlandês salientou a influência do técnico português na sua vinda para a capital italiana.

"Falámos quando as negociações se encontravam numa fase avançada. Por isso, não teve de me convencer ou insistir que eu viesse. Agradeceu-me por mostrar interesse em vir para este clube. A vitrine de troféus de Mourinho fala por si. Qualquer jogador gostaria de trabalhar com ele, incluindo eu. Portanto, sim, quando falou comigo, fez-me querer vir aqui", revelou o médio, de 31 anos.

Sobre a passagem discreta de uma temporada no PSG, Wijnaldum admitiu que jogou "menos do que esperava", mas garantiu que isso não é sinónimo de falta de empenho.

"Trabalhei arduamente com o grupo no PSG e depois fiz algum trabalho individual, separadamente, com os fisioterapeutas e formadores. Fisicamente, sinto-me pronto. Mas teremos de ver como as coisas evoluem durante a semana", concluiu.