"Se José Mourinho disser que alguém te odeia, acreditas nele"

"Se José Mourinho disser que alguém te odeia, acreditas nele"
Redação

Declarações de Gerard Piqué, central do Barcelona, em entrevista no canal de YouTube de Gary Neville, 'The Overlap".

Gerard Piqué, central do Barcelona, em entrevista no canal de YouTube de Gary Neville, 'The Overlap", falou sobre o período em que José Mourinho [2010 a 2013] esteve à frente do Real Madrid e da "guerra" do treinador português com Pep Guardiola e mesmo entre os dois clubes.

"Foi muito difícil em Espanha. Lembro-me que a primeira vez que ele [José Mourinho] veio ao Camp Nou com o Real Madrid, depois de vencer o triplete com o Inter, foi um choque de realidade e perdeu por 5-0. Mas é verdade que nas conferências de Imprensa ele pressionava todos os dias e talvez para Guardiola tenha sido demais, porque era uma guerra que não tinha a ver com futebol", começou por dizer o central espanhol.

"Naquela altura ele destruiu de muitas formas a forma como víamos o futebol. Até a relação com os jogadores. Mourinho entra na cabeça do jogador e se ele disser que alguém te odeia, acreditas nele. Eu ia cumprimentar o Iker [Casillas] e ele não falava comigo. Tivemos que fazer um exercício entre os jogadores de Barcelona e Real Madrid para restabelecer os laços, voltar a ser um bom balneário e conquistar o título", concluiu.