Mourinho volta a sorrir na Serie A: "Os melhores 35 minutos desta época"

Mourinho volta a sorrir na Serie A: "Os melhores 35 minutos desta época"
Redação

Treinador da Roma salientou, esta quinta-feira, em reação ao triunfo sobre a Udinese (1-0), a exibição da primeira parte no Olímpico, o espírito de grupo e o domínio do jogo, vincou a necessidade de se sustentar o clube e assumiu que fará por ter Pellegrini no próximo dérbi com a Lázio.

Exibição: "Jogámos os melhores primeiros 35 minutos desta época, contra uma equipa defensivamente bem organizada. Só conseguimos marcar um golo, é verdade, mas de um modo geral segurámos as rédeas do jogo. Obviamente, a Udinese reagiu no segundo tempo, mas fomos sempre uma equipa, especialmente nos momentos mais difíceis, fechando espaços e gerindo bem a posse da bola."

Sustentabilidade: "Neste momento estou concentrado em fazer crescer a equipa, na organização e na resistência mental, juntamente com as pessoas maravilhosas com quem trabalho. Temos de trabalhar muito e precisamos de tempo e algo mais, que o tempo trará. A direção também precisa de tempo. Esta direção preocupa-se não só com o hoje, mas também com o amanhã. A prioridade é a sustentabilidade do clube. Os adeptos estiveram hoje por detrás da equipa e estou feliz com isso. É importante que os adeptos estejam connosco, apoiando-nos, especialmente na derrota. Temos de continuar com tranquilidade."

Despenalização de Pellegrini: "Não conheço os mecanismos legais do futebol italiano, mas gostaria de os conhecer para tentar levá-lo a jogar [contra a Lázio]. Tenho várias dúvidas sobre o segundo amarelo. Diz-se que é uma medida severa, eu acho que é ridículo. O futebol é e será sempre um desporto de contacto, hoje em dia é muito claro se uma falta é amarela ou vermelho."