Mourinho e ainda o Manchester United: "Só quero dizer duas coisas..."

Mourinho e ainda o Manchester United: "Só quero dizer duas coisas..."

Numa extensa entrevista ao L'Équipe, o treinador português voltou a falar sobre a saída do clube inglês, mas preferiu ser conciso.

Pogba "não foi o único responsável" pela saída de José Mourinho do Manchester United em meados de dezembro último. A garantia é deixada pelo treinador português, que, em entrevista ao L'Équipe, preferiu não se alongar nos comentários sobre o clube "red devil".

"Só quero dizer duas coisas. Uma delas é que o tempo tem falado. A segunda é que os problemas ainda lá estão. Podem imaginar que é dos jogadores, da organização, da ambição... Só não posso dizer que 'sim' quando me perguntam se o Paul [Pogba] foi o único responsável", afiançou o "Special One", que respondeu da seguinte forma quando questionado sobre a eliminação dos franceses do PSG diante do United, na Liga dos Campeões:

"Não faço sempre análises públicas. Sobre o Manchester United não vou falar. Sinto que não tenho a necessidade de o fazer, o tempo vai acabar por dar explicações. O ex-treinador não precisa de falar. Mas a vitória foi um pouco fora do contexto, mesmo que tendo vencido em Turim na fase de grupos", disse Mourinho, que deixou uma garantia.

"Treinar o PSG é impossível. Não podes treinar um clube que já tem treinador", rematou.