Mourinho deixa uma garantia sobre o futuro e volta a elogiar Sérgio Oliveira

José Mourinho, treinador da Roma

 foto EPA

Declarações após o triunfo por -1 frente ao Lecce, para os oitavos de final da Taça de Itália.

A Roma, orientada pelo português José Mourinho, apurou-se para os quartos de final da Taça de Itália em futebol, ao afastar o secundário Lecce (3-1), após reviravolta. Após o encontro, marcado por algumas dificuldades da formação romana, o técnico voltou a sublinhar que está comprometido com o projeto.

Apontado ao interesse do Everton, José Mourinho garantiu que a intenção passa por continuar na Roma. "Estou muito feliz de estar aqui e não troco este projeto por nada. Dou a minha palavra que vou continuar em Roma", exclamou o treinador português.

Por outro lado, Mourinho elogiou o impacto de Sérgio Oliveira e Maitland-Niles, dois reforços de inverno: "Senti-me frustrado com a exibição da equipa na primeira parte, mas o plantel é curto e não dá para rodar muito. Felizmente, o Sérgio e o Maitland-Niles são reforços a sério e vão dar muito a esta equipa", indicou.

Quanto ao jogo, foi o Lecce a causar surpresa no Estádio Olímpico da capital transalpina, quando o defesa Arturo Calabrsi abriu o ativo, aos 14 minutos.

A resposta dos giallorossi viria a surgir ainda no primeiro tempo, por intermédio do defesa Marash Kumbulla (40), abrindo caminho para a reviravolta, consumada graças ao tento do avançado Tammy Abraham (54), antes de Eldor Shomurodov (81) selar o triunfo, numa altura em que os visitantes já estavam reduzidos a 10 elementos, face à expulsão de Mario Gargiulo (60).

Nos "quartos", a Roma vai enfrentar o Inter de Milão, atual campeão transalpino e líder da Serie A.