"Sim, negociámos com o Ronaldo. O problema nunca foi o dinheiro"

"Sim, negociámos com o Ronaldo. O problema nunca foi o dinheiro"
Redação

Al Hilal diz que tentou levantar a sanção de não poder contratar em duas janelas de mercado e não conseguiu.

Cristiano Ronaldo recebeu uma proposta choruda durante o verão para se transferir para a Arábia Saudita e agora o Al Hilal, através do seu presidente Fahad ben Nafel, garante que só não recrutou CR7 por causa de uma sanção da FIFA que não conseguiram levantar. A proposta, recusada por Ronaldo, seria para receber 242 milhões de euros em dois anos.

No canal de youtube Thamanya, Ben Nafel garantiu que não foi por dinheiro que não conseguiram Ronaldo, capitão da seleção portuguesa: "Sim, negociámos com o Ronaldo. O problema nunca foi o dinheiro. O Al Hilal é capaz de contratar as estrelas do mundo, o problema esteve na decisão do Tribunal Arbitral do Desporto que nos impediu de contratar jogadores. Não deixámos de negociar e tentamos retardar a entrada na fase final da negociação até que se levantasse a sanção".

A sanção manteve-se e os sauditas não podem contratar em duas janelas de mercado.

Recorde-se que no defeso se falou da possibilidade de saída de Ronaldo do Manchester United, com vários destinos mencionados, como Atlético de Madrid, Bayern, Nápoles, Milan, Dortmund, Arsenal ou Chelsea. Continuar numa liga de topo e que participasse na Liga dos Campeões era o plano do internacional português.