"Ronaldo tem feito tudo o que pode para ajudar a equipa", defende Solskjaer

"Ronaldo tem feito tudo o que pode para ajudar a equipa", defende Solskjaer
Rodrigo Cortez

Português foi criticado por pressionar pouco na frente, mas o treinador diz que ele dá tudo

O treinador do Manchester United, Ole-Gunnar Solskjaer deu o peito às "balas" que nos últimos dias, após a derrota com o Leicester (4-2), foram desferidas na direção de Cristiano Ronaldo, alegadamente porque o português deveria ser mais ativo na hora de fazer pressão ofensiva.

"Cristiano é um jogador de top, nós sabemos bem o que pode fazer por nós e ele tem feito tudo o que pode para ajudar a equipa", afirmou o norueguês, também ele alvo de contestação, depois de ter conseguido apenas um triunfo nos últimos cinco jogos do clube.

"Temos evoluído ao longo dos anos. Quando cheguei estive meia época e ficámos em sexto, depois, terceiro, depois em segundo. Podem ver os progressos. Esta época ainda queremos melhorar, mas estamos no mesmo barco que as outras equipas de topo", declarou, à beira de uma receção à Atalanta, emblema italiano que tem mostrado ser capaz de bater o pé a adversários teoricamente mais poderosos. Solskjaer tem em Varane a única baixa de vulto, pelo que Bruno Fernandes e Ronaldo devem ser titulares.

Nos italianos, as baixas são mais do que muitas, incluindo Gosens, Hateboer, Pessina, Djimsiti e Toloi. "Este estádio é único e para nós será um estímulo jogar aqui", comentou o treinador Gasperini sobre o Teatro dos Sonhos (Old Trafford). "É uma equipa muito forte fisicamente e no jogo aéreo. Gostam de mandar nos jogos, mas quando nós tivermos a bola poderemos fazer mossa", afirmou o líder da Atalanta.

Na outra partida do grupo, o Villarreal só tem um ponto e está obrigado a vencer na Suíça o Young Boys, se quiser posicionar-se condignamente para o apuramento.