"Ronaldo no City? Estava a ler as notícias e pensei: "Bem, a escolha é dele"..."

"Ronaldo no City? Estava a ler as notícias e pensei: "Bem, a escolha é dele"..."
Redação

Dimitar Berbatov em declarações ao "Mirror".

A saída de Cristiano Ronaldo da Juventus para regressar ao Manchester United deu muito que falar no último mercado de transferências. A verdade é que, até bem antes de a transferência se concretizar, muitas foram as notícias e rumores sobre o futuro do craque português.

Dias antes de se abordar um possível regresso a Old Trafford, CR7 foi mesmo dado quase como certo Manchester City, o que desagradou a muitos adeptos dos "red devils".

Dimitar Berbatov, antigo avançado do Manchester United, onde foi colega de Ronaldo, foi um dos muitos que ficaram surpresos com tais rumores.

"Fiquei surpreendido. Estava a ler as notícias e pensei: "Bem, a escolha é dele". Aconteceu com outros jogadores como Peter Schmeichel e Carlos Tévez, que foram para o [Manchester] City [depois de jogar no United]. É uma decisão do jogador e provavelmente seria dececionante vê-lo ir para lá, principalmente para os adeptos", começou por dizer o búlgaro em declarações ao "Mirror".

"Não sabemos o que aconteceu de verdade. Houve contactos com o Manchester City? Falaram sobre o quê? Ou, no final, foi apenas um rumor e ele nunca quis ir para lá?", questionou Berbatov.

Já questionado sobre o regresso a Manchester, o antigo avançado admitiu também não estar a prevê-lo. "Fiquei surpreendido, não esperava por isso. Achei que ele iria procurar outro desafio, como fez durante toda a carreira."