"Joguei contra Ronaldo e mantive-o quieto algumas vezes"

"Joguei contra Ronaldo e mantive-o quieto algumas vezes"

Antigo jogador do Manchester City coloca o português num patamar ligeiramente inferior ao de Lionel Messi.

Micah Richards protagonizou vários duelos com Cristiano Ronaldo nos tempos do português no Manchester United. Entre 2003 e 2009, nas seis temporadas que o CR7 passou em Old Trafford, Micah Richards, então com a camisola do rival City, foi um opositor habitual.

Agora, já depois de colocar um ponto final na carreira, o antigo internacional inglês recordou os jogos em que conseuiu deixar Ronaldo... quieto. Na hora de eleger o melhor jogador da atualidade, entre o craque da Juventus e Lionel Messi, a opção recaiu sobre o argentino.

"Tenho que dizer Messi. Só porque joguei contra Ronaldo e mantive-o quieto algumas vezes. Íamos a Old Trafford e eu jogava bem contra ele. Já contra Messi, nem conseguia aproximar-me. É de uma casta diferente", afiançou Richards, prosseguindo:

"Pensas que consegues apanhá-lo e de repente ele [Messi] muda de direção muito rapidamente. Não é possível traçar um plano para contrariá-lo. Assim que ele apanha a bola, há que tentar pará-lo com faltas. É o calibre dele, não dá para pará-lo. (...) São dois dos melhores jogadores de sempre, os números falam por si, mas diria que Lionel Messi é mais difícil de defrontar", rematou o ex-defesa, agora com 31 anos.