"United não pode deixar Ronaldo sair, mesmo que ele esteja a implorar"

Momentos como este podem não ser vistos de novo no Manchester United

 foto EPA

Rio Ferdinand defende que o Manchester United deve fazer tudo para manter o craque português.

A polémica que envolve Cristiano Ronaldo no Manchester United tem dividido opiniões e há quem defenda que o craque português deve deixar o clube o quanto antes. Rio Ferdinand, antigo central dos red devils e ex-companheiro de CR7, não é um desses casos. O desempenho do avançado em campo, segundo Ferdinand, diz tudo sobre a importância de Ronaldo para o clube.

"As pessoas dizem que é melhor deixar Ronaldo ir embora, mas em primeiro lugar tragam alguém que consiga marcar 25 golos. O Darwin já não pode vir, o Haaland também não, nem o Lewandowski. Estes são os três jogadores que olhas para eles e pensas: 'São os únicos capazes de encaixar na equipa de forma imediata'. Mas eles já foram para outro clube. Por essa razão, o Manchester United não pode deixar sair Cristiano Ronaldo. Não pode. Mesmo que ele esteja a implorar para sair, não pode permitir isso. Não é a coisa certa a fazer", afirmou Rio Ferdinand, em declarações reproduzidas pela imprensa inglesa.

"Estão a apostar no Martial, que nunca foi consistente o suficiente e que até poderia ter sido dispensado na última época. O Rashford não joga de forma regular há 18 meses, Jadon Sancho não correspondeu na última época e Elanga é um miúdo. Olhamos e pensamos: 'Quem pode pegar nisto e arrastar os outros?' O Bruno Fernandes, talvez, mas ele nem é um avançado. É muito fácil para todos dizerem: 'Têm que se livrar de Ronaldo, está um circo montado em torno dele, ele causa muita atenção'. Sim, ele pode trazer mais atenção do que aquilo que o clube quer, mas ele também garante golos em todas as épocas", disse ainda.

Ronaldo tem mais esta época de contrato com o United e muito se tem falado sobre a vontade que o craque tem em mudar de ares, rumo a uma equipa que esteja na Champions.