Greve dos árbitros ameaçam arranque do Girabola

Greve dos árbitros ameaçam arranque do Girabola
Lusa

Árbitros ameaçam arranque do Girabola por atraso em pagamento de subsídios

Os árbitros angolanos ameaçam falhar a primeira jornada do campeonato, previsto para este sábado, devido aos subsídios em atraso, referentes à época passada, garantiu o vice-presidente do Conselho Central de Arbitragem Paulo Talaia.

"Se o problema não for resolvido, os árbitros não vão apitar a primeira jornada. Os juízes estão totalmente agastados com a situação que se arrasta desde a época passada, daí a decisão tomada", garantiu.

Além do pagamento dos valores em atraso, os árbitros exigem ainda aumento dos prémios de jogo, com aumentos superiores a 150 mil Kwanzas.

Contudo, os clubes angolanos garantiram que não podem ultrapassar os 75 mil Kwanzas para comissários ao jogo, 70 mil para os árbitros, 65 mil para os assistentes e 60 mil para o quarto árbitro, por cada jogo.