Judoca português foi eliminado por combater tendo o telemóvel no quimono

Judoca português foi eliminado por combater tendo o telemóvel no quimono

Foi a surpresa geral quando Anri Egutidze deixou cair o aparelho no tapete. O resultado foi a... eliminação.

Momento insólito no Grande Slam de judo de Baku, no Azerbaijão. O português Anri Egutidze, de 23 anos, foi eliminado aos 13 segundos do combate de -81 kg com o sueco Robin Pace,k quando o telemóvel lhe caiu do quimono.

O judoca luso esqueceu-se do aparelho no equipamento e as regras referem que não é permitido ter qualquer objeto externo à competição no tapete, algo que acabou por resultar na eliminação. Espreite o vídeo do momento.