Jogadores do West Brom desculpam-se pelo incidente do táxi roubado

Jogadores do West Brom desculpam-se pelo incidente do táxi roubado

Quatro jogadores do West Bromwich foram acusados de terem roubado um táxi.

Jonny Evans, Gareth Barry, Jake Livermore e Boaz Myhill emitiram esta sexta-feira um comunicado no site do West Bromwich para se desculparem do incidente ocorrido durante o estágio de inverno, em Espanha.

De acordo com a imprensa catalã, os quatro futebolistas terão encontrado um táxi vazio, com as chaves na viatura, e aproveitaram para guiar o carro até ao hotel onde a equipa se encontrava concentrada. No entanto, o incidente não terá passado em claro à polícia local, dado que as autoridades terão interrogado os quatro jogadores no dia seguinte.

O clube já tinha garantido que ia abrir uma investigação aos quatros futebolistas e estes vieram agora desculpar-se pelo sucedido.

"Gostaríamos de aproveitar esta oportunidade para nos desculparmos aos nossos colegas de equipa, treinador, clube e especialmente aos nossos adeptos pelos eventos que têm sido sujeitos a publicidade negativa. Sentimos que era importante identificarmo-nos como sendo os jogadores envolvidos no incidente que ocorreu durante o estágio de inverno em Espanha, esta semana, por respeito aos nossos colegas que poderiam ser implicados por associação", pode ler-se no comunicado.

Os quatro jogadores admitiram terem quebrado o recolher obrigatório e garantiram ainda que irão cooperar com o inquérito do clube.