Adepto do Schalke 04 move ação penal contra árbitro por penáltis não assinalados

Adepto do Schalke 04 move ação penal contra árbitro por penáltis não assinalados

Em causa estão dois alegados penáltis não assinalados na derrota por 3-0 com o Bayern Munique

Um adepto do Schalke 04 interpôs esta terça-feira uma ação penal por fraude contra o árbitro Marco Fritz e o responsável pelo videoárbitro (VAR), Bastian Danker, por dois alegados penáltis não assinalados na derrota por 3-0 com o Bayern Munique.

O Schalke 04 perdeu no sábado em casa com o heptacampeão Bayern Munique, por 3-0, com três golos do polaco Robert Lewandowski, aos 20, de grande penalidade, 50 e 75 minutos, em jogo referente à segunda jornada do campeonato alemão de futebol.

"Perguntámos a toda a gente e não foi ninguém daqui. Palavra de honra", reagiu o Schalke 04 na sua conta oficial no Twitter, depois da confirmação, por parte de um porta-voz do Ministério Público, da entrada da queixa contra o árbitro e o responsável pelo VAR.

Em causa estão dois lances na área do Bayern, quando o resultado se encontrava em 2-0, em que a bola bateu nos braços de Benjamin Pavard, que estava de costas, e de Ivan Perisic, que estava na barreira, numa falta cobrada por Daniel Caligiuri.

"No entanto, as investigações interessam-nos, estimada Polícia de Gelsenkirchen. Podemos até, eventualmente, ajudar na investigação, dado que conhecemos as testemunhas que estavam no local", ironizou o clube alemão, demarcando-se do processo.