Entrou a 13 minutos do fim e bisou na própria baliza para estragar uma aposta

Entrou a 13 minutos do fim e bisou na própria baliza para estragar uma aposta
Redação

Situação insólita ocorreu no Gana, no final do jogo entre Inter Allies e Ashanti Gold.

À primeira vista pode parecer mentira, mas a realidade é que aconteceu mesmo.

No Gana, Hashmin Musah entrou a 13 minutos do final da partida entre ​​​​​​ Inter Allies e Ashanti Gold, mas o pouco tempo que esteve em campo foi suficiente para se tornar a figura de destaque... resta saber se pelas melhores ou piores razões.

Musa , jogador do Inter Allies, bisou na própria baliza, quando a sua equipa já estava a ser goleada por 5-0 [acabou por perder por 7-0]. A razão? Nas palavras do próprio, para "estragar uma aposta".

"Tinha ouvido no nosso hotel que tinha sido feita uma aposta para o resultado ficar 5-1 contra o meu clube, o Inter Allies. Decidi estragá-la porque condeno apostas. Depois do jogo, a minha equipa técnica deu-me os parabéns. Tinha prometido ao meu treinador que se ele me deixasse como suplente que eu próprio trataria de estragar a aposta. E depois do jogo, toda a equipa me agradeceu", contou ao portal "Goal".

No entanto, o adversário garantiu que as acusações são falsas.

"O Ashanti Gold jogou de forma competitiva durante toda a partida, com os nossos jogadores a marcarem cinco golos fantásticos depois de muito trabalho e esforço de toda a equipa, aos 15, 26, 42, 49 e 77 minutos. Não fazemos ideia porque o nosso adversário marcaria dois autogolos depois de estarmos a vencer por cinco golos, com 13 minutos para o final. Demonstrámos desde o início do jogo que estávamos determinados a mostrar o melhor das nossas capacidades, e não para jogar para algum resultado predeterminado como tem circulado", escreveu o clube.

Esta situação insólita será investigada, informaram entretanto as autoridades desportivas ganesas.